Quem contrata terceirizada é responsável pelas dívidas trabalhistas e tributárias?

13 jul, 2018 | Gestão Tributária | 0 Comentários

A lei que autorizou a terceirização da atividade-fim das empresas promoveu a alteração numa lei antiga que tratava das empresas de trabalho temporário.

A Lei nº 6.019/74, sofreu alteração por meio da Lei nº 13.429/2017, incorporando algumas disposições de grande relevância para as empresas e entidades públicas de uma forma geral.

Um delas diz respeito à incorporação expressa da autorização para que as empresas terceirizem inclusive sua atividade-fim, algo que não era previsto em lei anteriormente, mas era vedado pelo Enunciado nº 331, do Tribunal Superior do Trabalho. A redação do art. 4º-A, incluída pela lei de 2017, dispõe o seguinte:

Leia mais em Foco Tributário ->

Publicações recentes

gt-cast-30-julho-e-agosto-2021-o-seu-podcast-sobre-gestao-tributaria

GT Cast #30 – Julho e Agosto/2021 – O seu Podcast sobre Gestão Tributária

Nesta edição falamos sobre a decisão do STF que reafirmou seu entendimento sobre a inconstitucionalidade (…)

A importante decisão do STF acerca da tributação sobre o terço de férias

  A importante decisão do STF acerca da tributação sobre o...
qual-aliquota-deve-constar-na-nota-fiscal-de-servicos-quando-o-prestador-e-do-simples-nacional

Qual alíquota deve constar na nota fiscal de serviços quando o prestador é do Simples Nacional?

  No vídeo, os professores Alexandre Marques, Gustavo Reis...
o-recibo-de-prestacao-de-servicos-deve-conter-o-numero-do-nit

O recibo de prestação de serviços deve conter o número do NIT?

No vídeo, os professores Alexandre Marques e Gustavo Reis responderam à pergunta: O recibo de prestação de serviços deve conter o número do NIT?

Posts relacionados